1) FOTO ILUSTRATIVA

fotos-ilus-03

2) O QUE É
Consiste em avaliar o funcionamento do esôfago, verificando sua contração e relaxamento e força dos esfincteres esofágicos.

3) QUEM DEVE FAZER
– Estabelecer o diagnóstico em casos de suspeita de acalasia (dificuldade de engolir) ou espasmo esofageano difuso;
– Detectar alterações motoras do esôfago associadas às doenças sistêmicas;
– Colocação de aparelhos intraluminares, como sensores da Phmetria de 24h;
– Avaliação pré-operatória da função peristáltica em pacientes nos quais se considera a possibilidade de cirurgia anti-refluxo;
– Fazer ou confirmar o diagnóstico de condições associadas ou preditivas de complicações da Doença do Refluxo Gastro-Esofágico (DRGE);
– Auxilia na realização de diagnóstico de problemas como queimação e azia, e outras como tosse, doenças de garganta persistentes, asma, afonia, etc…

4) PREPARO PARA REALIZAR O EXAME
Deve-se descontinuar o Inibidor de Bomba de Prótons ( EX: Omeprazol) por pelo menos 15 dias, e vir em jejum de cerca de 8 a 12 horas

5) DOENÇAS DIAGNOSTICADAS
Doenças que causam dismotilidade esofágica.